Vinhos Península de Setúbal nos melhores de 2016

publicado em: Notícias | 0

Vinhos da Península de Setúbal premiados nos “Melhores do Ano 2016” da WINE – A Essência do Vinho, sendo o ‘Produtor do Ano’ vencedor a Herdade do Portocarro

jose Mota capitão

Uma das mais ambicionadas distinções nos “Melhores do Ano 2016”, da Revista WINE – A Essência do Vinho, foi para a região da Península de Setúbal: ‘O Produtor do Ano 2016’ é a Herdade do Portocarro. José Mota Capitão é o homem que comanda o projeto de produção de vinhos de alta qualidade, em quantidades limitadas e exclusivas, e que segundo a Wine ‘é um dos bons exemplos que reúne um misto de criatividade, estudo e respeito pelo passado, qualidades a que se somam uma pontinha de audácia e atrevimento que convém garantir.’

Entre os quatro nomeados para a categoria de ‘O Melhor Produtor do Ano’ encontrava-se ainda outro produtor da Península de Setúbal, a Casa Agrícola Horácio Simões. Os dois projetos têm merecido atenção mediática e a aprovação da crítica pela sua qualidade, diferenciação e ousadia.

Na lista dos ‘Melhores Vinhos do Ano 2016’- vinhos com uma pontuação igual ou superior a 18,5 – surge o Bacalhôa Moscatel de Setúbal Superior 20 anos, 1995. Já no ‘TOP Wine 2016’, que inclui os vinhos pontuados até aos 18 valores, surgem mais dois vinhos da região da Península de Setúbal: o ‘Alambre 20 anos’, da José Maria da Fonseca e o ‘Palácio da Bacalhôa, 2013’, da Bacalhôa Vinhos de Portugal.

Distinções que segundo Henrique Soares, Presidente da Comissão Vitivinícola da Península de Setúbal, ‘vêm comprovar a capacidade da região de produzir vinhos excecionais em todas as gamas’. Os vencedores foram conhecidos na sexta-feira (27), numa gala de entrega de prémios, e resultaram de uma pré-seleção de 60 nomeados, da responsabilidade da redação da revista WINE – A Essência do Vinho.

Goste / Partilhe este artigo: