Encontro com o Vinho e Sabores 2016

publicado em: Notícias | 0

Centro de Congressos de Lisboa acolhe 17.ª edição do Encontro com o Vinho e Sabores 2016, de 11 a 14 de Novembro com muitas novidades gastronómicas

encontro-com-o-vinho-e-sabores

Vem aí mais uma edição do ‘Encontro com o Vinho e Sabores’ (EVS), a celebrar-se de 11 a 14 de Novembro, no Centro de Congressos de Lisboa. A organização do 17.º evento, a cargo da Revista de Vinhos, confirma que as novidades são de monta, no que toca aos ‘Sabores’. Azeite, arroz e bacalhau prometem dar mote a três dias de entusiasmantes – e gratuitas – tertúlias. Entre demonstrações culinárias, harmonizações com néctares nacionais, apresentações e conversas, são muitas as atividades que constam do programa.

A área dos ‘Sabores’ que já havia sido ampliada de há dois anos a esta parte, vê-se de novo aumentada. Para além do espaço para a realização das tertúlias, ganha terreno no que toca à oferta de iguarias para provar, comer e levar para casa. Afinal, a época natalícia não está assim tão longe e vinhos e produtos gastronómicos são sempre bem-vindos, à mesa ou no saco dos presentes.

O azeite, grande companheiro dos néctares de Baco na produção, é o protagonista do pavilhão dos ‘Sabores’ logo no arranque do EVS. O Professor José Gouveia, do Instituto Superior de Agronomia, vai conduzir-nos na descoberta de ‘O que é o azeite’, seguindo-se uma ‘Prova de Azeites Esporão’, pela oleóloga Ana Carrilho.

No Sábado, é tempo de falar de arroz. Um de cada vez, são três os chefes que vão meter a mão na massa, ou melhor, no arroz: Henrique Mouro (‘Demonstração culinária da utilização do arroz e suas harmonizações com vinho’, em parceria com Francisco Silveira, da Companhia das Lezírias); Tiago Bonito, que confecionará pratos para harmonizar com uma seleção de vinhos do Porto, da responsabilidade de Bento Amaral, do Instituto dos Vinhos do Douro e Porto; e o pasteleiro Joaquim Sousa, que em conjunto com o gastrónomo Virgílio Nogueira Gomes, vai mostrar o ‘Arroz na doçaria nacional’. Joaquim Bravo, da Orivárzea, fará uma apresentação com o tema: ‘Bom Sucesso, o genuíno arroz português para todas as cozinhas’.

O bacalhau, como bom companheiro que é das refeições em família, está reservado para Domingo. Almoce e siga para o EVS para uma ‘Demonstração culinária com o chefe Paulo Morais e harmonização com vinhos da Adega Mãe’, apresentados por Diogo Lopes e Bernardo Alves, da Riberalves. Conheça as ‘Diferentes curas e utilizações’ (por Bernardo Alves) e alguns ‘Vinhos para bacalhau’, este último um momento conduzido por Luís Lopes, diretor da Revista de Vinhos. ‘Bacalhau, o fiel amigo’ dará mote a uma conversa protagonizada pelos investigadores gastronómicos Fernando Melo (crítico da Revista de Vinhos e Evasões) e Álvaro Garrido (diretor do Museu de Ílhavo), e por Júlio Fernandes (diretor-geral do restaurante D’Bacalhau e vice-presidente da AHRESP).

O EVS vai também ser palco para a apresentação de dois livros: o ‘Vinhas Velhas de Portugal’, uma edição dos CTT escrita por Luís Antunes e fotos de Anabela Trindade; e ‘Histórias com vinho e outros condimentos’, que resulta de um compilação de crónicas do reconhecido crítico de vinhos João Paulo Martins.

Goste / Partilhe este artigo: