Designação Dão Nobre estreia-se no Dão Capital

publicado em: Notícias | 0

A Comissão Vitivinícola Regional do Dão e a Rota dos Vinhos do Dão trazem novamente até Lisboa os melhores vinhos e sabores da região, nos dias 15 e 16 de Julho no Pátio da Galé, na Praça do Comércio e os visitantes poderão provar e comprar os produtos expostos e participar em provas de vinhos comentadas por especialistas da Revista de Vinhos

imagem dão capital

Este ano a grande novidade é apresentação dos primeiros vinhos que alcançaram a designação qualitativa mais ambicionada da região demarcada do Dão. São eles o Fonte do Ouro Dão Nobre branco 2015 e o Casa de Santar Dão Nobre tinto 2013.

Criada em 2014 com enquadramento legal específico, a designação Dão Nobre tem como objetivo destacar os vinhos de excelência produzidos na região demarcada do Dão. Para obter a designação, os vinhos candidatos têm, naturalmente, que obedecer a diversos requisitos analíticos e qualitativos, sendo o mais exigente destes a obtenção de um mínimo de 90 pontos (em 100 possíveis) na avaliação da Câmara de Provadores da Comissão Vitivinícola Regional do Dão.  Esse muito elevado nível de exigência foi agora pela primeira vez superado por dois vinhos, um branco e um tinto, que ao serem lançados no mercado estreiam a designação Dão Nobre junto dos apreciadores.

O Fonte do Ouro Dão Nobre branco 2015, produzido em Mortágua pela Sociedade Agrícola Boas Quintas, tem origem nas uvas Encruzado, Arinto e Cerceal, e fermentou e estagiou em barricas novas de carvalho francês.   O tinto Casa de Santar Dão Nobre 2013, elaborado pela Global Wines, nasceu a partir de uvas das castas Touriga Nacional, Alfrocheiro, Aragonez e Jaen, colhidas na maior vinha da região, com 103 hectares, localizada em Santar. O vinho resultante amadureceu 18 meses em barricas de carvalho francês.

Os primeiros Dão Nobre assumem-se como dois vinhos de enorme categoria, que prestigiam o designativo de qualidade e a região demarcada do Dão. Estes e muitos outros vinhos e sabores desta região vão estar presentes no Dão Capital, o grande evento vínico que traz até Lisboa o melhor que o Dão produz.

Este evento, que é produzido pela Revista de Vinhos, tem como objetivo reforçar a notoriedade da Região do Dão e dar a conhecer os vinhos DOP Dão e Vinho Regional Terras do Dão, como também os produtos endógenos de qualidade distinta do território da Região Demarcada, como por exemplo, o Queijo Serra da Estrela e derivados, os enchidos tradicionais como o fumeiro, chocolates, doçaria, mel e derivados, entre outros.

O Dão Capital oferece aos apreciadores uma grande diversidade de vinhos brancos, rosés e tintos (sem esquecer os espumantes) que traduzem a enorme qualidade e genuinidade da denominação de origem Dão e da complementar indicação geográfica Terras do Dão.

Goste / Partilhe este artigo: