Quinta de Lemos

publicado em: Dão, Quintas, Vinhos | 0

Com o sonho de criar um vinho exclusivo, em meados da década de 1990, Celso de Lemos compra uma vinha em Silgueiros

quinta de lemos adega

A Quinta de Lemos está situada no vale do Dão, a mais antiga região produtora de vinho de Portugal. Localizada a 7 km de Viseu, capital de distrito e cidade cheia de charme, a quinta fica no planalto da Beira Alta, a uma altitude de 340 metros. Neste paraíso verde do centro de Portugal, possui um total de 50 ha – 25 de vinhas, 8 de oliveiras e os restantes entre pinhal e horta.

O granito e os solos arenosos, marcam a região e a Quinta, estão bem protegidos por quatro grandes Serras – Estrela, Caramulo, Buçaco e Nave. O clima é continental com as influências atlânticas que se traduzem numa humidade e frescura.

O objectivo máximo da quinta é produzir um vinho de altíssima e indubitável qualidade: equilibrado e distinto, reforçando o grande carisma do Dão que junta a tradição e a modernidade, a tecnologia e a natureza.

quinta de lemos adega

Uma das características que torna os vinhos Quinta de Lemos tão especiais é a sua dependência de variedades autóctones:

A Touriga Nacional, casta por excelência tipicamente portuguesa, frutada, robusta com elevado teor de taninos, proporciona aromas de amoras, bergamota e florais de violeta.

A Tinta Roriz é uma casta de cor muito escura e sabor elegante, aroma frutado com um toque a framboesa e especiarias.

A Jaen é uma casta delicada com aroma intenso, lembra mirtilhos, amoras, morangos e floral de resinosos, o que a torna numa casta muito especial. O seu carácter elegante e persistência no paladar tornam-na num vinho difícil de esquecer.

O Alfrocheiro é uma casta que envelhecendo confere um aveludado único. Tem um aroma a groselha, banana e florais de jasmim, bastante pronunciado com bastante persistência de cor vermelho granada.

A escolha das castas reveste-se da maior importância para quando se quer o melhor vinho. Todos os pormenores contam para torná-lo marcante, distinto, e ainda assim,  completamente inserido no que são os vinhos da região Dão, da qual a Quinta de Lemos, faz orgulhosamente parte.
Em cada ano a Quinta de Lemos apresenta vinhos feitos de misturas de castas (blends), como os clássicos vinhos do Dão e diferentes vinhos mono-varietais que exibem as melhores características individuais de casta.

Várias foram as medalhas de ouro conquistadas:

Concours Mondial de Bruxelles 2013, Tinta Roriz 2006
Concurso 2013 Vinhos de Portugal, Dona Georgina 2008
Concours Mondial de Bruxelles 2012, Touriga Nacional 2008
Concurso Internacional de Vinhos do Brasil 2012, Dona Georgina 2007  e Touriga Nacional 2007
Concours Mondial de Bruxelles 2010 –Dona Georgina 2005, Dona Santana 2005 *, Dona Georgina 2007, Touriga Nacional 2007 e Jaen 2007
D. Santana era designado em 2005 como Red Label

Goste / Partilhe este artigo: