Concurso de Vinhos de Portugal

publicado em: Notícias | 0

Sogevinus em destaque com Kopke, Burmester, Cálem e Barros, tanto na categoria de vinho do Porto como na de vinhos tranquilos DOC Douro

Burmester colheita 1963 100

Concurso promovido pela ViniPortugal que contou com um prestigiado júri de críticos nacionais e internacionais, presidido por Luis Ramos Lopes, diretor da Revista de Vinhos, David Schwarzwalder(Alemanha), Jorge Carrara (Brasil), Tom Firth (Canadá) e Mary EwingMulligan (EUA),  que reconheceu a qualidade dos vinhos das casas Kopke, Burmester, Cálem e Barros, tanto na categoria de vinho do Porto como na de vinhos tranquilos DOC Douro, onde as marcas confirmam a sua excelência. O grande destaque vai para o Burmester Porto Colheita 1963, eleito pelo Grande Júri para a lista exclusiva de 16 vinhos premiados com Medalha Grande Ouro, considerados os melhores em prova. No total, os vinhos da Sogevinus reuniram mais três medalhas de ouro e três medalhas de bronze, tendo sido um dos produtores mais premiados da competição. Entre as medalhas de ouro estão o Barros Porto Colheita 1937, o Burmester Porto Tordiz 40 Anos Tawny e o Kopke Douro DOC Reserva Branco 2011. Na categoria de medalhas de bronze foram distinguidos os vinhos KopkePorto Colheita 1984, Kopke Porto Branco 40 Anos e o monovarietal Casa Burmester Touriga Nacional 2010. O Concurso de Vinhos de Portugal, cuja cerimónia de entrega de prémios decorreu no passado dia 7 de junho, contou com um júri composto por 100 críticos e especialistas, dos quais 36 são internacionais. A concurso e avaliados em prova cega estiveram 1007 vinhos, entre os quais 919 vinhos tranquilos e 88 vinhos fortificados. Além das 16 Medalhas Grande Ouro, foramentregues 36 Medalhas de Ouro, 81 Medalhas de Prata e 125 Medalhas de Bronze.

por Mário Rodrigues

Goste / Partilhe este artigo: