Em três versões Galega, Cobrançosa e Arbequina são as variedades desta quinta do Dão, que apresenta pelo segundo ano os seus azeites

Para os apreciadores de um bom azeite, a Quinta de Lemos tem três versões de ouro líquido que concentram a essência do Dão. Terminada a campanha da azeitona deste ano, que foi mais produtiva do que em 2020 e que conseguiu escapar à chuva, o olival da Quinta de Lemos tornou a produzir três variedades de azeite – Galega, Cobrançosa e Arbequina.

Composto por 7 hectares e aproximadamente 2500 oliveiras, o olival começou a ser desenvolvido desde 2014. Em 2017, iniciou-se a produção de azeite nesta quinta do Dão. Este ano, engarrafaram-se 3000 garrafas de Galega, a variedade mais representativa da região; 500 garrafas de Cobrançosa e 200 garrafas de Arbequina. Na altura da apanha, em Outubro e Novembro, as azeitonas são colhidas à mão e prensadas a frio num período máximo de 24 horas, para preservar toda a frescura e qualidade. A colheita é feita manualmente nas árvores de pequeno porte (Arbequina, Verdial), e nas árvores de maior porte é usada uma ferramenta vibratória nos galhos, que não danifica nem parte os ramos das oliveiras.

 “Pelo segundo ano consecutivo, continuamos a trabalhar no sentido de melhorar cada vez mais o nosso azeite. Os rendimentos deste ano foram bastante consideráveis, e vamos ter azeites com notas organoléticas muito interessantes”, afirma Cátia Correia, a engenheira agrónoma encarregue do olival da Quinta de Lemos. A produção média foi até excedida – este ano, engarrafaram-se 3700 garrafas de azeite da Quinta de Lemos. A grande diferença desta segunda edição para a primeira, é que o azeite deste ano não irá ser filtrado – apenas será feita a decantação e o engarrafamento. Ao não filtrar,  o azeite fica “mais aveludado” na boca e não perde características organoléticas.

A proximidade de trabalho com o restaurante Mesa de Lemos (1* Michelin) tem permitido a esta quinta do Dão a produção de azeites assumidamente gastronómicos, perfeitos para complementar os pratos que se levam à mesa. À semelhança das vinhas da Quinta de Lemos, também o olival é tratado dentro de um programa de protecção integrada, mantendo todo o respeito pela natureza e o meio ambiente. Os azeites da Quinta de Lemos podem ser adquiridos em packs de três, ou em embalagens individuais, na loja da Quinta de Lemos, em Silgueiros (Viseu) ou através de encomenda pelo email [email protected]