Caixa de Furos da Regina na Feira de São Mateus

publicado em: Notícias | 0

20 anos depois, os furinhos da Regina estão de volta a um dos eventos mais emblemáticos do país e prometem recuperar memórias e tradições

Caixa de Furos Regina

E porque recordar é viver, a Imperial – maior fabricante de chocolates em Portugal – volta à Feira de São Mateus para participar na nova edição do evento que decorre em Viseu até 11de setembro. Durante 38 dias, a empresa de Vila do Conde terá um stand numa das principais avenidas do certame onde os visitantes terão a possibilidade de ver e adquirir os produtos mais tradicionais e vintage das marcas Regina, Jubileu, Pintarolas, Pantagruel e Allegro. A Caixa de Furos da Regina, o ex-líbris da Imperial no evento, está, assim, de regresso e passado 20 anos, à emblemática Feira de São Mateus, prometendo reavivar as tradições e experiências proporcionadas pela Imperial na memória dos portugueses.

Durante o evento, a Imperial terá, em exposição, uma Máquina de Furos Gigante, que chamará a atenção dos visitantes, desafiando-os a visitar o espaço da marca, e assim descobrir os vários produtos do maior produtor nacional de chocolates. Além do próprio stand – localizado junto ao Parque de Diversões –, a Imperial terá, ainda, na zona de palco uma carrinha da marca, onde será possível adquirir os seus chocolates.

Com o relançamento da Caixa de Furos no Natal de 2013, a Imperial evidenciou a sua aposta no revivalismo e na recuperação de produtos vintage, o que veio permitir às gerações mais novas contactar com uma das marcas nacionais mais emblemáticas. Até à data, já foram feitos milhões de furos, número que supera largamente as expectativas iniciais da empresa. Refira-se que, além de animar eventos como a Feira de São Mateus, a Máquina de Furos está presente em muitos outros encontros festivos, continuando a alimentar o imaginário de muitas gerações.

Esta edição da Feira secular de Viseu contará com a participação de 260 expositores, mais de 100 eventos, 32 concertos e 40 diversões. A presença da Imperial pretende que todos os visitantes tenham a oportunidade de reviver, através do chocolate, as memórias que mantêm viva a tradição portuguesa.

Goste / Partilhe este artigo: