5.º Festival do Vinho do Douro Superior

publicado em: Notícias | 0

Num dos eventos do vinho mais importantes em Portugal, Fôz Coa discute “Douro Superior: Fonteiras da Liberdade” em colóquio com nomes de peso

Douro Superio - Paisagem 450
Rio Douro

No Douro Superior têm origem algumas das mais prestigiadas marcas de vinho do Douro. É para o celebrar que, de 20 a 22 de Maio, Vila Nova de Foz Côa recebe pelo quinto ano consecutivo o ‘Festival do Vinho do Douro Superior’. Organizado pelo Município de Foz Côa e produzido pela Revista de Vinhos, este é um evento que em muito tem contribuído para afirmar a cidade como “Capital do Douro Superior” e divulgar esta sub-região como terra de dinamismo e qualidade.

Partindo desta premissa, o já habitual colóquio, que este ano se realiza na sexta-feira, dia 20 de Maio, no ExpoCôa, está subordinado ao tema “Douro Superior: Fronteiras da Liberdade” e recheado de convidados de peso. São enólogos, proprietários, administradores, comunicadores, criadores, todos de tarimba e prontos a discutir questões como o conflito entre a tradição e a inovação, a adaptação do terroir, a categorização do vinho do Porto e o que define a identidade do Douro.

O programa conta com Mateus Nicolau de Almeida (“Trans-Douro Express”), do atual projeto familiar Quinta do Monte Xisto, que irá representar a terceira geração de grandes enólogos durienses; João Brito e Cunha (“Velho vs. Novo Douro”), proprietário da Quinta de S. José e enólogo da Quinta da Touriga Chã; António Agrellos (“Tradição e/ou Liberdade”), enólogo autor dos prestigiados Douro e Porto da Quinta do Noval; e Luís Sottomayor (“Barcas Velhas e Novas”), enólogo da Sogrape e responsável pelo mítico ‘Barca Velha’, um filho de terras do Douro Superior – atualmente da Quinta da Leda.

O convidado especial é Mário Zambujal, jornalista e escritor, autor de livros como ‘Crónica dos Bons Malandros’, que irá abordar o tema ‘Vinho, fronteira e liberdade’. O colóquio encerra com o painel ‘Caminhos do Futuro’ em que participam Francisco (Vito) Olazabal, descendente da Ferreirinha e produtor da Quinta do Vale Meão; Joaquim de Almeida, proprietário do (recente) projeto Quinta de Vale de Pios; José Cordeiro, chef e proprietário dos restaurantes Porto Sentido (Porto), Chefe Cordeiro (Lisboa) e Moments (Luanda); Manuel Novaes Cabral, presidente do Instituto do Vinho do Douro e do Porto; Pedro Ferreira, escanção no restaurante Pedro Lemos; Nuno Magalhães, professor de agronomia; Manuel Lobo Vasconcelos, enólogo da Quinta do Crasto; e Duarte Fernandes, diretor comercial da Heritage Wines.

Profissionais do sector e enófilos em geral são convidados a participar ativamente no colóquio, podendo enviar questões para o e-mail do moderador do debate, o jornalista e crítico da Revista de Vinhos Luís Antunes (czater.xarax@gmail.com), que as colocará aos convidados.

A inscrição no Colóquio é gratuita, sendo limitada aos lugares da sala. As reservas devem ser feitas para Ana Rita Gonçalves, da Revista de Vinhos, através do e-mail ritagoncalves@masemba.com ou do telefone 215 971 383.

O Festival do Vinho do Douro Superior tem entrada livre e permite aceder aos stands de cerca de mais de 70 produtores de vinho que vão marcar presença no ExpoCôa – Pavilhão de Exposições e Feiras, dando a provar os seus vinhos aos visitantes. Os stands de sabores e as “tasquinhas” serão também cartão de visita do festival e, tanto no vinho como na comida, a maior parte dos produtos em exposição estarão à venda no local. Serão centenas as iguarias a representar não só a cidade de Vila Nova de Foz Côa, mas também os concelhos circundantes de Carrazeda de Ansiães, Figueira de Castelo Rodrigo, Freixo de Espada à Cinta, Mêda, São João da Pesqueira, Torre de Moncorvo e Vila Flor.

Um certame que veio para ficar e que conta, ainda, com diversas atividades paralelas: um concurso de vinhos, provas temáticas comentadas pelos jornalistas da Revista de Vinhos, animação de rua e música ao vivo são algumas das “atrações” que irão tornar a visita ao Festival do Vinho do Douro Superior num momento único para os apreciadores.

O programa detalhado do 5.º Festival do Vinho do Douro Superior será divulgado em breve.

Goste / Partilhe este artigo: