Lua Cheia com novas colheitas

publicado em: Notícias | 0

As primeiras garrafas da Lua Cheia em Vinhas Velhas foram dadas a provar aos mercados internacionais e só agora chegam às garrafeiras e restaurantes nacionais.

Lua Cheia em Vinhas Velhas Tinto Reserva Especial 150

A história da Lua Cheia em Vinhas Velhas começa a ser contada no Douro e, por isso, os seus vinhos desta região herdaram o nome do produtor. A génese de um projeto desenhado a três, entre os enólogos João Silva e Sousa e Francisco Baptista e o empresário Manuel Dias.

Foi com o apoio de Manuel Dias e da sua empresa de exportação, a Saven, que os vinhos Lua Cheia em Vinhas Velhas começaram a conquistar os mercados internacionais. E foi o mercado que deu o impulso ao projeto. A primeira adega nasce em 2010, no Douro e o projeto alarga-se para outras regiões, mantendo a mesma filosofia. Ao portefólio foram-se somando vinhos na Região dos Vinhos Verdes (Monção/Melgaço), onde contam com uma adega própria, e no Alentejo.

As colheitas agora apresentadas pertencem ao Douro. É no Cima Corgo que João Silva e Sousa e Francisco Baptista encontraram as vinhas ideais para o seu projeto vínico: vinhos complexos, com capacidade de envelhecimento em garrafa, mas acessíveis e próximos do consumidor moderno. Nascidos em vinhas velhas, as novas colheitas refletem o perfil complexo do seu terroir, com mais de 20 castas identificadas e uma localização privilegiada.

O Lua Cheia em Vinhas Velhas Branco 2015 é intenso nos aromas e acusa a predominância da mineralidade. Tem um excelente volume, é fresco e equilibrado e apresenta-se como parceiro perfeito para peixes e carnes brancas.

A colheita de 2015 deu também origem a um Lua Cheia em Vinhas Velhas Rosé. Com tons salmão na cor, este vinho é intenso, aromático, fresco, alegre e jovial. É um sabor de primavera que pede boa disposição, pratos de marisco, carnes brancas e massas. É também uma ótima escolha para acompanhar comida oriental.

O Lua Cheia em Vinhas Velhas Tinto 2014 tem uma estrutura que pede mais atenção. É concentrado, mas ao mesmo tempo fresco. Nos aromas, deixa-nos notas acentuadas de amora e mirtilo. O final de boca é longo e persistente, sendo por isso companhia ideal para pratos de carne assada e de caça ou então para queijos fortes e intensos.

Ainda no conjunto das novidades, Lua Cheia em Vinhas Velhas apresenta um sedutor Reserva Especial Tinto 2014. Um vinho poderoso e intenso, dominado pelo óleo de bergamota, pelo mirtilo e pela amora preta, com presença, muito bem integrada, de madeira de elevada qualidade. Na boca é elegante, com muito volume e fresco. O final de boca é longo e possui notas florais e de frutos do bosque. Repleto de personalidade, este é vinho vermelho profundo que acompanha com harmonia com pratos de cozinha mediterrânica e com queijos intensos.

Os Lua Cheia em Vinhas Velhas têm o preço de 4,35 € e o reserva de 8,14 €.

Goste / Partilhe este artigo: