Melhores restaurantes de Lisboa em 2015

publicado em: Notícias | 0

Já são conhecidos os melhores restaurantes de 2015, premiados do Lisboa à Prova – Concurso Gastronómico.

Lisboa à prova 450

Após 6 meses de visitas e avaliações aos restaurantes inscritos, foram entregues, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, os troféus de 1 Garfo, 2 Garfos e 3 Garfos.

A sessão, com casa cheia, teve por anfitrião, o Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, e contou também com a presença do Presidente da AHRESP – Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, Mário Pereira Gonçalves e do Director-Geral do Turismo de Lisboa, Vítor Costa. Esta edição do Concurso contou ainda com o patrocínio da Sagres Bohemia.

Foram 126 os restaurantes premiados, avaliados pela sua cozinha, pelo serviço, pelo ambiente e pela relação qualidade/preço, num total de cerca de 700 provas anónimas, realizadas entre Junho e Novembro de 2015.

Por comparação à edição de 2014, foram premiados mais 11 restaurantes: se, por um lado, o número de inscrições subiu em cerca de 25% na edição de 2015, é também evidente o incremento qualitativo que a restauração lisboeta vem evidenciado, ano após ano. São também cada vez mais os projetos de restauração que surgem em Lisboa, projetos sólidos e de grande qualidade que fazem “fervilhar” a gastronomia da cidade.

O número de premiados com 1 garfo subiu: 90 restaurantes obtiveram o prémio de “1 Garfo”. Por sua vez, 29 restaurantes alcançaram o prémio de “2 Garfos” e 7 restaurantes ganharam o galardão máximo de “3 Garfos”. Pela primeira vez este ano, o restaurante Lapa, do Hotel Olissipo Lapa Palace alcança o prémio máximo de 3 Garfos.

Os 90 restaurantes que obtiveram 1 “Garfo” foram: 151 One Five One; 2 à Esquina, Iguarias e Petiscos; 5 Oceanos; A Casa do Bacalhau; A Fábrica de Santiago; A Tapadinha, Cozinha Russa; A Tasca do Tio Candinho; A Travessa do Fado; Adega da Tia Matilde; Adega Machado; Apicius; Aromas e Temperos; Aura Lounge Café; Bastardo; Bellalisa Elevador; Bistro Edelweiss; Blend; Brasserie de L’Entrecôte – Chiado; Brasserie de L’Entrecôte – Parque das Nações; Café Lisboa; Cantina da Estrela; Carmo; Cervejaria Portugália – Belém; Chefe Cordeiro; Coffee Shop Rendez Vous; De Castro Elias; Delícias de Goa; Dinastia Tang; Este Oeste; Everest Montanha – Avenida do Brasil; Faz Figura; Fumeiro de Santa Catarina; Grei; Grelhados de Alcântara; Gustus e Sushi Alentejano; In Bocca al Lupo; Jockey; Kampai; La Paparrucha; Le Moustache; Lost In Esplanada Bar; Madragoa Café; Maria Catita; Marisqueira D’Pescador; Mercearia de L Praino; Meson Andaluz; Mô Petiscaria; Moules & Beer; My Story Rossio; Nogueira´s Fire Food; O Guarda-Mor; O Mercado; O Polícia; Oficina do Duque; Oito Dezoito; Open Brassserie Mediterrânica; Páteo Velho – Ordem dos Médicos; Pimenta Rosa; Pizzaria Lisboa; Pizzaria Luzzo; Restaurante Bordalo Pinheiro – Radisson Blu Hotel; Restaurante Carnalentejana; Restaurante D’Bacalhau; Sacramento do Chiado; Sagrada Família; Salsa Rosa Bistro; Sem Dúvida; Senhor Peixe; Servejaria; Solar dos Leitões; Solar dos Nunes; Sushi Café Amoreiras; Sushi Café Avenida; Tapa Bucho; Tasca Urso; Tentações de Goa; Tertúlia do Paço; The Decadente; The George; The Insólito; The Old House; Trivial; Tsubaki; U Chiado; Uai!; Varanda de Lisboa; Very Important Picanha; Vicente by Carnalentejana; Wasabi Sushi Bar; Zambeze.

Os 29 restaurantes que obtiveram “2 Garfos”: 1300 Taberna; A Cevicheria; Bistrô 4; Cantinho do Avillez; Duplex; Enoteca de Belém; Estórias na Casa da Comida; Flor-de-Lis; Flores do Bairro; Grill D. Fernando; Leopold; Lisboa à Noite; Lisboète; Mensagem; Mini Bar; O Bem Disposto; O Talho; Panorama; Peixaria da Esquina; Rossio Bar Terraço; Sala de Corte; Salsa & Coentros; Sessenta; Tabik; Tasca da Esquina; Via Graça; Viva Lisboa; Volver de Carne Y Alma; Xapuri Bistro.

Os restantes 7 restaurantes obtiveram o prémio máximo de “3 Garfos”: A Travessa; Belcanto; Eleven; Feitoria; O Nobre; Restaurante Lapa; Varanda.

Agora que são conhecidos os restaurantes premiados da edição de 2015, irão começar as ações de promoção para esses vencedores. Para além de passatempos com os restaurantes, da Mostra dos Premiados (evento destinado ao grande público) e do Lisboa à Prova com Arte, o Lisboa à Prova associa-se também em 2016 a diversas iniciativas no âmbito da música, do cinema, das artes e da arquitetura, uma novidade no calendário de eventos do Concurso.

O Lisboa à Prova, cumprindo com os seus objectivos de requalificação e motivação para a qualidade do sector, empenha-se também na dinamização desse mesmo sector,  tão importante para a economia e o turismo da Cidade, valorizando-a como uma região gastronómica de referência, tanto para os turistas, como para os próprios lisboetas.

Goste / Partilhe este artigo: