Evolução do vinhos portugueses nos EUA

publicado em: Notícias | 0

Portugal é o 9º maior fornecedor de vinho nos EUA e possui também o 3º maior preço médio de importação no mercado entre os 10 maiores países fornecedores.

viniportugal logo

Além dos capítulos sobre a produção, consumo e comércio externo de vinho, este novo estudo inclui um capítulo sobre o funcionamento do mercado, desde os seus canais de distribuição até ao acesso do mercado. Este estudo, bem como outros, estão disponíveis na página web da ViniPortugal, em www.viniportugal.pt/estudos-de-mercado .

Em valor, as exportações de vinho português para este país aumentaram 17%, de Janeiro a Outubro de 2015, em comparação com o período homólogo – retirando da análise os vinhos licorosos e espumantes, este crescimento foi de 29%. Este mercado foi também alvo de atenção especial no Fórum Anual dos Vinhos de Portugal, realizado no passado dia 25 de Novembro, na Curia.

Em 2014, estima-se que a produção de vinho nos EUA se tenha estabelecido nos 31 milhões de hectolitros, fazendo deste país o 4º maior produtor a nível mundial, ao par que a estimativa do consumo neste país ascende a cerca de 30 milhões de hectolitros, no mesmo ano. O saldo da balança comercial neste sector é negativo (-2,9 mil milhões de euros), além de que este país importa vinho mais caro do que aquele que exporta, em média.

Em volume, cerca de ¼ do vinho consumido é importado, sendo os Estados de Nova Iorque, Califórnia e Flórida onde o consumo de vinho importado é superior. Os Estados do Illinois, Nova Jérsia e Massachusetts poderão constituir também um potencial interesse para os vinhos importados, visto registaram valores de volume de importação, consumo por adulto e PIB per capita superiores à média nacional.

No período 2004-2014, as importações de vinho pelos EUA aumentaram 68% em volume e 40% em valor, tendo o seu preço médio diminuído 16%; o segmento engarrafado é o mais representativo, com cerca de 65% do volume e 78% do valor total de importação. A Itália é o país líder deste mercado, seguindo-se a França (juntos, representam cerca de 60% do valor total importado) e a Austrália.

Portugal é o 9º maior fornecedor de vinho em valor e o 10º em volume, sendo que em 2014 as importações de vinho português fixaram-se nos 1,7 milhões de caixas no valor de 67 milhões de euros, registando também um aumento de 65% do volume e 37% do valor, face a 2004. Os segmentos engarrafado e Porto representam 99% do total do valor importado e Portugal possui o 3º maior preço médio de importação de vinhos engarrafados no mercado, sendo porém o 7º se se retirar o efeito Porto.

Estudo de Mercado sobre os EUA elaborado pelo Serviço de Informação de Mercado (SIM), com um período de análise compreendido entre 2002 e 2012. Lançada uma atualização do Estudo anterior, com dados referentes a 2004-2014. Informação fornecida pela ViniPortugal.

Goste / Partilhe este artigo: