Um abraço de papel a Monte Velho

publicado em: Notícias | 0

O Esporão lançou o desafio, a artista aceitou e o papel tomou forma. Assim se cria uma nova ligação entre a simplicidade de um gesto, o abraço, e a origem do Monte Velho

Esporao_Monte Velho_Abraco de Papel  350

A simplicidade de um gesto, como o abraço, ganha novos contornos pela mão de Filipa Pais Rodrigues, designer de papel. O papel dá forma ao abraço que envolve o vinho, Monte Velho, criando assim uma intima ligação entre ambos. O ato sedutor de oferecer um vinho com um gesto de companheirismo é assim enfatizado com Um Abraço de Papel. O ponto de partida foi o Alentejo, a Herdade do Esporão e naturalmente o Monte Velho. A partilha de atributos está à vista. A linguagem gráfica, cromática e iconográfica remete-nos para as origens do vinho e do papel, em paralelo, sublinhando a elegância, a simplicidade, e ao mesmo tempo, a informalidade destes produtos. A azinheira, tão característica nas planícies do Alentejo e na Herdade do Esporão, revela-se neste projecto através de duas abordagens: uma silhueta recortada no Abraço de Papel, que dá lugar a uma ausência deste material com a forma desta árvore, por onde se deixam descobrir as castas inscritas nos rótulos das garrafas de Monte Velho, tinto e branco, abraçadas pelo papel, e ainda, uma maqueta de cartão de média dimensão, criada pela mão da designer, que nos transporta para os elementos da terra, concebida para decorar a montra da Galeria Abraço. Monte Velho Branco 750 ml:6,30€, Monte Velho Tinto 750 ml: 6,80€ e Magnum Monte Velho Tinto 1,5 Lt: 12,60€. Parte das receitas deste projecto revertem a favor da Associação Abraço.

Goste / Partilhe este artigo: